Feira da Agricultura Familiar de Marilândia completa seu 1° ano de existência

A feira do Agricultor Familiar de Marilândia é um importante espaço de comercialização dos produtos da agricultura familiar, indo muito além disso: é também espaço de socialização, identidade cultural.
A feira teve seu início no dia 06 de maio do ano de 2017, na rua São Tarcísio localizada no centro da cidade, a mesma acontece aos sábados com início as 5:30 da manhã até as 12:30 da tarde.
Nela é comercializado mel, polpa de frutas como acerola, maracujá, capeleti, macarrão, pães caseiros, tempero verde, couve, alface, bolos de banana, de fubá, doces de abóbora, de cacau, rapadura, banana prata e da terra, em quase sua totalidade sem defensivos agrícolas.
A grande maioria dos feirantes possui o SIPAF, (Selo de Identificação da Participação da Agricultura Familiar) e no último mês uma das barracas conquistou a certificação OCS (Organização de Controle Social) e onde tudo é produzido no município gerando trabalho e renda no campo, vale lembrar também que todas as 9 barracas são de agricultores familiares do município distribuídas nas comunidades de Marilândia, fazendo com que além da circulação do dinheiro no município, haja a integração das comunidades nesse espaço.
Segundo o extensionista do Incaper local, Marcelo Agenciano, a feira justifica-se pois os mesmos produtos que o agricultor consome com a própria família, ele disponibiliza aos cliente, tendo obviamente um zelo especial com o que é oferecido.
Todos estão convidados a conferir essas delícias apresentadas acima e ainda saborear o já famoso pastel de feira com caldo de cana, acompanhados de uma boa roda de conversa entre amigos.

ESCOLA ALTO PATRÃO MÓR REALIZA VISITA DE CAMPO AO INCAPER E À ASSOCIAÇÃO DE CATADORES DE LIXO RECICLÁVEIS

Professores e estudantes da EMUEF Alto Patrão-Mór realizaram visita de visita de campo à Associação de Catadores de Lixo Recicláveis do município e ao INCAPER.

O objetivo da visita foi proporcionar aos estudantes uma aula de campo para que pudessem se apropriar de informações sobre coleta e separação do lixo, bem como aprender sobre o cultivo de hortas e o plantio de café, base econômica do município de Marilândia.

A visita faz parte das ações do projeto Meio Ambiente: o futuro em nossas mãos, que vem trabalhando de forma integrada as disciplinas do currículo, promovendo a sensibilização sobre a reutilização do lixo, diminuindo assim os impactos ambientais e sobre as mudanças de hábitos e seus resultados para a comunidade onde residem.

Outro momento importante foi a realização da visita ao Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (INCAPER), localizada às margens da Rodovia Alto Liberdade, onde os estudantes tiveram a oportunidade de aprender sobre os melhores tipos de solo para o plantio do café, conhecer o viveiro experimental e se apropriar de informações necessárias à cultura do café, produto base da economia local, além de realizar o plantio de uma muda de uma árvore frutífera que recebeu o nome de EMUEF Alto Patrão-Mór.

A Diretora Scheila Pereira da Silva que acompanhou os professores na realização do projeto disse que o momento é de aprendizagem e integração. “São momentos de grande importância para os estudantes, pois vivenciam na prática experiências e conhecimentos estudados através dos livros. O conhecimento indo além da sala de aula”, afirmou Scheila.

 

 

SAAE MARILÂNDIA-ES implanta leitura e impressão simultânea da Conta de Água

Já começou a ser implantado pelo SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Marilândia) o sistema de leitura e emissão simultânea das contas de água e esgoto no município. Com um tablet/coletor e impressora portátil o servidor faz a coleta dos dados no hidrômetro e no mesmo instante e local, imprime a fatura.
Com isso, serão eliminados processos burocráticos como digitação das planilhas de leitura, consequentemente haverá redução de custo, tempo e possíveis erros no lançamento de dados.
A implantação da nova forma de trabalho traz benefícios ao cliente, como por exemplo, constatar e corrigir problemas. O comprovante da fatura é entregue na hora pelo servidor, que ainda pode responder algumas dúvidas. Já pelo sistema anterior, o servidor apenas lia os dados e depois voltava ao mesmo endereço para realizar a entrega, que levava de 10 a 15 dias após a leitura. Com o investimento e modernização do sistema, o cliente tem a conta em sua residência em aproximadamente 30 segundos, tempo que o servidor leva para coletar a leitura e imprimir a fatura.
Além disso, o servidor passará a desempenhar uma nova função: relacionamento direto com o cliente. Tudo isso visa maior satisfação do cidadão. “Além da série de vantagens ao cliente, o novo sistema vai permitir que os servidores trabalhem com mais segurança para realizar o mesmo serviço”, afirmou o diretor do SAAE, Globes Antônio de Souza.
Como o sistema ainda está em fase de implantação/testes, alguns problemas poderão ocorrer. Dúvidas ou divergências, pedimos que entrem em contato pelo telefone 27-3724-1271, ou compareça no balcão de atendimento do SAAE, localizado na Rua Ettore Milaneze, 80, Centro, Marilândia-ES, no horário de 08:00 as 16:00.

Creche municipal realiza culminância do Projeto: “Quem morde é cachorrinho, criança faz carinho”

A Creche Municipal Maria Dalva Bona Passamani realizou na última terça-feira (12) a culminância do projeto “QUEM MORDE É CACHORRINHO, CRIANÇA FAZ CARINHO”.

Durante a segunda quinzena de maio, as crianças realizaram atividades com o objetivo de aprender a conviver em grupo no espaço escolar, criando bons hábitos e respeitando regras de convivência.

O momento foi marcado com apresentação musical, violão e dramatização.

O encerramento do projeto contou com a participação dos estudantes, professores, funcionários, pais e responsáveis que se encantaram com as atividades desenvolvidas tendo como referência o livro: Mordida Não, Napoleão! da autora Joyce M. Rosset.

Foi um momento muito prazeroso em que a equipe escolar pode perceber a emoção dos pais em ver seus filhos tão pequenos já participando das atividades da escola.

 

05 de Junho. Dia Mundial do Meio Ambiente

Hoje comemoramos o Dia Mundial do Meio Ambiente. A Prefeitura Municipal de Marilândia, através da Gerência de Meio Ambiente e Fiscalização, vem lembrar que o cuidado com a natureza e com o meio em que vivemos depende de todos nós. Vale lembrar que algumas ações precisam ser seguidas por todos, como:
– Separar o lixo reciclável nos dias da coleta (papel, alumínio, plástico e papelão);
– Não jogar lixo nas ruas e nos rios;
– Não desperdiçar água;
– Economizar energia;
– Não matar ou maltratar os animais, tanto os domésticos quanto os silvestres;
– Não cortar árvores sem autorização.
O Meio Ambiente agradece! Quem ama, preserva!

Marilândia celebra 38 anos de emancipação política

A Prefeitura de Marilândia resgatou o tradicional Desfile Cívico em comemoração aos 38 anos do Município e levou para a Avenida Dom Bosco aproximadamente mil pessoas nesta segunda-feira, 14 de maio. Com o tema “Diversidade Cultural e Econômica do Ontem ao Hoje”, a apresentação contou com uma grande diversidade de apresentações a começar pela Banda da Policia Militar do Espírito Santo que abriu o desfile e trouxe em seguida a ala do 8º Batalhão da Policia Militar, com sede em Colatina. Representando o Comandante da PM no Estado estava o Major Taciano Barboza.

No palanque estavam o Prefeito Geder Camata, vice-prefeito Jo Comério, Vice-governador do estado César Colnago, Deputados Federais Paulo Folleto e Carlos Manato, Deputada Estadual Raquel Lessa, Secretário de Estado dos Transportes e Obras Públicas, Paulo Ruy Carnelli,vereadores, Cimá Fubá, Beto Parteli, Evandro Vermelho, Douglas Badiani, Paulo Costa, Renato Meneghini, Ivaldo da Silva e Adilson Regianni, além de secretários municipais e representantes religiosos.

De acordo com Geder Camata a realização do desfile foi uma forma de resgatar a cultura do município. “O desfile é uma forma de resgatar as tradições da nossa cidade e despertar o sentimento de pertencimento e de orgulho. Quisemos com essa ação resgatar um pouco da história da nossa cidade, com as homenagens ao café e ao início da colonização que muito contribuiu para o desenvolvimento e progresso de Marilândia”, destacou o prefeito.

Participaram do desfile cívico membros do INCAPER de Marilândia, integrantes das Associações de Produtores Rurais, Colônia Italiana D`Itallia com os grupos de dança I´Bambini e Tradicione, Jogadores de Bocha e Moretina, Ex-Seminaristas, alunos e professores da APAE, alunos da Escola Família Agrícola de Marilândia, alunos das Escolas de Ensino Fundamental do Campo, EMEF Maria Izabel Falcheto, Escola São Judas Tadeu, Escola Padre Luiz Da Grã, Clube dos Desbravadores “Escudeiros da Fé”, Clube de Aventureiros Castores, Grupo de dança do CRAS, alunos dos projetos de Capoeira, Jiu-jitsu e Karatê, oferecidos pela Secretaria Municipal de Assistência Social, representantes dos times tradicionais de futebol de Marilândia, alunos do Projeto Campeões do Futuro e Viva Música, que fizeram uma bela apresentação musical.

O desfile cívico contou ainda, com a participação da Banda da Escola estadual Dr Jones, de Baixo Guandu, que abrilhantou a apresentação.

Após a solenidade, o Prefeito Geder e as demais autoridades foram visitar algumas obras e projetos em andamento no município.

Prefeitura de Marilândia realiza conscientização sobre o “18 de Maio”

O CREAS de Marilândia em parceria com a Prefeitura Municipal, Secretaria Municipal de Assistência Social, CRAS e Conselho Tutelar, vai realizar no dia 18 de maio a Passeata Faça Bonito de Combate ao Abuso e Exploração de Crianças e Adolescentes, pela Avenida Dom Bosco, terminando com um bate papo no Auditório do PSF. A Campanha faz parte do Calendário Nacional, instituído pela Lei Federal 9.970/00.

A proposta “18 DE MAIO” é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos sexuais de crianças e adolescentes. É preciso garantir a toda criança e adolescente o direito ao desenvolvimento de sua sexualidade de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração sexual.

Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune.

Queremos convocar todos – família, escola, sociedade civil, governos, instituições de atendimento, igrejas, templos, universidades, mídia – para assumirem o compromisso no enfrentamento da violência sexual, promovendo e se responsabilizando para com o desenvolvimento da sexualidade de crianças e adolescentes de forma digna, saudável e protegida. As Denúncias podem ser feitas no CREAS de Marilandia, situado a Rua Alberico Pedro Altoé, nº40, Centro – Tel (27) 3724-1531 e/ou no Conselho Tutelar – Rua Jocondo Calimam, S/N, Centro – Tel (27) 3724-1063 / 99747-0842, ou o DISQUE 100.

Quatro municípios serão beneficiados com a pavimentação da ES 436

Uma obra de pavimentação, drenagem e sinalização para beneficiar quatro municípios: Marilândia, Colatina, Governador Lindenberg e São Domingos do Norte. Assim é a intervenção na ES 436, no trecho que atravessa as comunidades de Sapucaia, Paul de Graça Aranha, Novo Brasil e o acesso à Rancho Fundo, respectivamente, que acaba de ter a ordem de serviço assinada pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES).

A cerimônia aconteceu na manhã desta sexta-feira (27), na comunidade de Paul de Graça Aranha, e estavam presentes o governador Paulo Hartung, o secretário de Estado de Transporte e Obras Públicas (Setop), Paulo Ruy Carnelli, o diretor-geral do DER-ES, Enio Bergoli, os prefeitos dos municípios beneficiados, além de diversas autoridades e representantes das comunidades beneficiadas.

São 19,9 quilômetros de extensão, incluindo 2,09 quilômetros do acesso à comunidade de Rancho Fundo, pela ES 245, em São Domingos do Norte, que também terá obras de pavimentação. Além disso, a via terá 12 abrigos de ônibus. A nova rodovia é utilizada pelos produtores que transportam as suas produções de café, frutas e outros produtos, potencializando a produtividade da região e garantindo um tráfego com segurança, sinalização e com todas as condições de acessibilidade aos quatro municípios.

Outro incentivo que a via trará é na área de turismo, já que a região tem atrativos para a população como cachoeiras, bicas d’agua e a Pedra de Santa Luzia que é procurada por muitas pessoas para a prática de escaladas.

O governador Paulo Hartung destacou que a obra da estrada demanda um investimento de R$ 50 milhões que já estão reservados pelo Poder Executivo Estadual. Na oportunidade, o governador ainda pediu auxílio da comunidade na negociação para liberação de áreas às margens da rodovia. “É um jogo de ganha ganha. A comunidade ganha acesso mais rápido aos serviços públicos essenciais e ganham os proprietários com a valorização destas áreas. Além disto, vamos construir uma estrada humanizada com sinalização, moderna e área que permite a prática de atividade física”, destacou o governador.

Na ocasião, Hartung também anunciou o compromisso do Governo Estadual em contemplar o distrito de Graça Aranha com a instalação de uma torre de telefonia móvel e internet. “Em breve voltaremos para tratar deste assunto”, adiantou.

O diretor-geral Enio Bergoli ressaltou a importância da obra. “Planejando e sabendo administrar de forma competente, como o Governo do Estado faz, principalmente em época de crise em que os investimentos são escassos, se consegue investir de forma pontual, trazendo desenvolvimento para as comunidades que necessitam das rodovias para transporte das produções de suas pequenas propriedades e com a certeza de saber que não precisarão se preocupar se as estradas darão condições de chegada aos pontos de comercialização”.

A Tamasa Engenharia será a executora da obra e terá um prazo de 670 dias para conclusão dos trabalhos. A rodovia terá acostamento, faixa multiuso com extensão de 2,7 quilômetros na região de Paul de Graça Aranha. Serão implantadas baias com abrigos nos pontos de ônibus e as áreas urbanas de Sapucaia e Paul de Graça Aranha pavimentadas com bloquetes. O Governo do Estado está investindo aproximadamente R$ 50 milhões com financiamento do BNDES.

 

 

Texto: Felipe Mansur Valinho

 

Campanha Nacional de Hanseníase e Verminoses

O município de Marilândia aderiu a V Campanha Nacional de Hanseníase e Verminoses, com início neste mês de abril e finalização em junho. A Campanha é destinada para escolas públicas de municípios brasileiros e tem como público-alvo os escolares de 5 a 14 anos de idade matriculados no ensino fundamental. O objetivo é esclarecer sobre os sinais e sintomas e ensinar a se proteger dessas doenças, favorecendo o diagnóstico precoce e o tratamento imediato. Durante a Campanha, será realizada busca ativa de casos novos de hanseníase e exame dos contatos e profilaxia para as geo-helmintíases.

SEMED divulga edital de Processo Seletivo para contratação de Assistentes de Alfabetização

A Prefeitura Municipal de Marilândia por meio da Secretaria Municipal da Educação torna público o Edital do Processo Seletivo Simplificado para Assistente de Alfabetização do Programa Mais alfabetização, instituído pela Portaria Nº 142, de 22 de Fevereiro de 2018.

De acordo com o Edital o Assistente de Alfabetização apoiará o professor alfabetizador nas atividades em sala de aula. O prazo de contrato será de seis meses consecutivos e os profissionais selecionados deverão assinar um Termo de Compromisso no Ato da Contração.

O Programa Mais alfabetização do Governo Federal tem o objetivo de fortalecer e apoiar as escolas no processo de alfabetização dos estudantes de todas as turmas do primeiro e segundo ano do ensino fundamental. Entre as principais ações estão a garantia do assistente de alfabetização ao professor em sala.

Os interessados, de acordo com os critérios estabelecidos pelo edital, que desejarem atuar na função de Assistentes de Alfabetização deverão realizar sua inscrição no dia 26 de abril de 2018, em formulário específico disponibilizado no anexo I do referido Edital, no horário 08h às 17h.

http://sitebackup.marilandia.es.gov.br/publicacao/2018/PROCESSO%20SELETIVO/PROGRAMA%20MAIS%20ALFABETIZA%C3%87%C3%83O/01%20PROCESSO%20SELETIVO%20PROGRAMA%20MAIS%20ALFABETIZA%C3%87%C3%83O%20%28EDITAL%29%2025-04-2018.pdf